sexta-feira, 17 de junho de 2022

27º DIA (03/06/2022) DOS 52 DIAS DE JEJUM E ORAÇÃO.


 

LEITURA BÍBLICA: Neemias 4.17 - 23

Em terceiro lugar: mantenha os ouvidos bem afinados ao Chamado de Emergência (v18). Aquele que tocava a trombeta estava junto de Neemias. A trombeta não podia dar sonido incerto. O líder tem a responsabilidade de cuidar do povo de Deus. Ele precisa estar atento aos perigos que atacam a igreja. Afine seus ouvidos à voz do alerta para que quando ele soar você prontamente esteja no seu posto de combate.

Em quarto lugar: fiquem perto uns dos outros (v19). Nada pode ser mais perigoso para a igreja do que a falta de união ou proximidade dos irmãos. Um cordão de três dobras não se quebra com facilidade. Gente precisa de Deus, mas gente também precisa de gente. Precisamos trabalhar unidos. Não estamos competindo. Não somos rivais, mas parceiros. Somos membros do mesmo corpo, ovelhas do mesmo rebanho, ramos da mesma videira. Não deve haver ciúmes ou melindres entre o povo de Deus. Não deve existir complexo de inferioridade nem de superioridade entre os membros do corpo de Cristo. Estamos todos engajados na mesma obra. Estamos lutando por uma mesma causa. Somos soldados do mesmo exército, sob o comando do mesmo General. Por isso, devemos estar unidos!

Em quinto lugar: trabalhe na medida das suas forças (v21). Os construtores trabalharam “desde o raiar do dia até ao sair das Estrelas” Deus nos chama para o serviço. Os preguiçosos nunca se envolvem ou cedo desistem. O trabalho de Deus exige dedicação, esforço, suor, constância. O Chamado de Deus não é para o ócio, mas para o trabalho. Nem mesmo na eternidade, estaremos desobrigados do trabalho, pois no céu os remidos servem o Senhor. Se quisermos ver a reconstrução da família, da igreja e da sociedade, precisamos trabalhar enquanto é dia e na medida das nossas forças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário