segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Deputado Marcelo Freixo Ameaçado pelas Milícias Deixa o Brasil



O deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) recebeu sete ameaças de morte apenas no mês de outubro. O parlamentar, que vai deixar o Brasil nesta terça, reclamou da inoperância do poder público que, segundo ele, não se manifestou a respeito das denúncias.

"Recebi sete ameaças concretas e detalhadas em outubro, mas nenhuma delas vieram acompanhadas de algum retorno ou medida do poder público. Isso assusta mais que as próprias ameaças", revelou em entrevista à Rádio Bandnews

A convite da Anistia Internacional, o deputado vai deixar o país até que sejam feitas melhorias em sua segurança. Ele retorna ao Brasil dentro de um mês. Freixo citou a denúncia de que o milicano Carlos Ary Ribeiro, o Carlão, que fugiu do Batalhão Especial Prisional (BEP), em setembro, receberia R$ 400 mil do criminoso Toni Ângelo para matá-lo.

"Os dois estão foragidos. Quando serão presos? Eles estao em Campo Grande cometendo crimes e ameaçando autoridades", afirmou o parlamentar, que completou. "Se eles mataram uma juíza, torturam jornalistas e ameaçam um deputado o que eles não estão fazendo com moradores que nao podem pagar alguma taxa. Isso é muito sério e o Estado precisa agir".

Freixo falou no Twitter sobre sua saída do país. De acordo com ele, os "milicianos não venceram".

"Agradeço toda solidariedade, não vou recuar. Voltarei ainda esse mês, preciso preservar um pouco minha família e ajustar minha segurança. Eles (milicianos) não venceram e nem vão vencer", disse o deputado, que recebeu mensagens de apoio na rede social.

Marcelo Freixo presidiu a CPI das Milícias, em 2008. A comissão indiciou 225 pessoas entre policiais civis e militares, bombeiros e políticos.

Fonte: http://www.odia.com.br/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...